##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

G.O. da Silva, A. da Silva Pereira, A.D. Ferreira de Carvalho, F. Quintanilha Azevedo, R.S. Ponijaleki

Resumen

O objetivo do presente trabalho foi avaliar o desempenho de clones de batata quanto ao rendimento de tubérculos em Canoinhas-SC e Pelotas-RS, Sul do Brasil. Os experimentos foram realizados nas safras de primavera de 2013 e 2014. Foram avaliados onze clones avançados do programa de melhoramento da Embrapa e duas cultivares comerciais, Agata e Asterix. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com quatro repetições, exceto no experimento da primavera de 2013 em Pelotas, que teve três repetições. A parcela consistiu de duas linhas de 3,5 m com 10 plantas cada. Para os experimentos de 2013, foram utilizados tubérculos-semente tipo IV (minitubérculos) e para os experimentos de 2014 tubérculos-semente tipo II dos experimentos de 2013. Cerca de 110 dias após o plantio foram realizadas as colheitas, seguida das avaliações de caracteres de rendimento de tubérculos. A ANOVA revelou diferenças significativas (p<0,05) entre os genótipos para todos os caracteres e experimentos. A interação G x A foi significativa para todos os caracteres em cada local. A superioridade dos clones em relação às cultivares testemunhas, indica que eles apresentam potencial para se tornarem cultivares, quanto a caracteres de rendimento de tubérculos. Concluiu-se que os clones F102-07-22 e F23-06-02 têm um alto potencial de produção de tubérculos em Pelotas e Canoinhas, enquanto F22-08-01 e F23-06-24 apresentam melhor adaptação à Pelotas.

Download Statistics

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Keywords
References
Citation Format
Cómo citar
Ferreira de Carvalho, F. Quintanilha Azevedo, R.S. Ponijaleki, G. da S. A. da S. P. A. (2017). Rendimento de tubérculos de clones avançados de batata. Revista Latinoamericana De La Papa, 21(1), 15-21. Recuperado a partir de http://papaslatinas.org/index.php/rev-alap/article/view/262
Sección
Artículos Científicos